terça-feira, 26 de abril de 2016

Cobras E Lagartos


Amores e ambição
Uma trama cheia de vilões, mocinhos e o impagável Foguinho roubando a cena.
Morte de vilões e muita felicidade!
A verdade sobre a herança de Omar e o castigo para os malvados agitaram o desfecho da trama.
Daniel Oliveira e Mariana Ximenes
 Duda e Bel era o casal sensação da trama

Falta de escrúpulos e excesso de ambição marcaram Cobras e Lagartos. Tudo que Duda (Daniel Oliveira) e Bel (Mariana Ximenes) queriam era viver um romance, porém, tiveram que vencer muitos obstáculos para chegar a um final feliz. 
 Francisco Cuoco
O milionário Omar Pasquim
A trama teve como ponto de partida a história de Omar Pasquim (Francisco Cuoco), um homem humilde que trabalhou duro durante anos e conseguiu se transformar num bem sucedido empresário. Mas quando o dono da Luxux descobriu que estava doente e tinha pouco tempo de vida, repensou todas as suas atitudes. O trágico diagnóstico o fez ficar preocupado com o futuro de sua herança e o milionário decidiu, então, se disfarçar de Pereira (um faxineiro de sua própria empresa) e se aproximou das pessoas que o cercavam. O plano era encontrar um homem que fosse íntegro e fazê-lo seu herdeiro, através de um testamento, junto com sua sobrinha predileta, a doce Bel (Mariana Ximenes), filha de seu falecido irmão Sami. O único que sabia de seu disfarce era Jair(Milton Gonçalves), mordomo de Omar há mais de 30 anos e fiel companheiro.

Encontro ao acaso

Um dia, enquanto estava disfarçado de Pereira, Omar quase foi assaltado por um grupo de marginais. O ricaço foi salvo por Duda (Daniel Oliveira), um jovem motoboy. Desse encontro atrapalhado, nasceu uma amizade verdadeira e Omar descobriu que tinha inúmeras coisas em comum com Duda: ambos eram órfãos e apaixonados por música. Preocupado em ajudar o novo amigo que, aos seus olhos era um pobre senhor que precisava trabalhar como faxineiro para sobreviver, Duda convidou Omar para morar com ele na casa de sua querida tia Silvana (Totia Meireles). Mas foi aí que o milionário descobriu, através de uma pintura  no quarto do motoboy, que Duda era muito apaixonado por Bel, sua sobrinha. O rapaz tinha um quadro com um retrato da jovem na parede e contou para Omar que ela fazia parte de seus melhores sonhos.

Lobo em pele de cordeiro

 Henri Castelli
Estevão se fazia de bom moço, mas queria ficar com a fortuna de Omar
Quando Duda conheceu Bel, por intermédio de Omar, o motoboy descobriu que sua amada estava noiva de Estevão (Henri Castelli), um mau-caráter que só estava interessado na fortuna do tio dela. A princípio, Omar pensava que Estevão era um homem generoso, mas, na  verdade, o rapaz tinha sede de vingança. Estevão era filho de Otaviano (Herson Capri) e achava que todo o patrimônio de Omar lhe pertencia, pois quando Otaviano estava à beira da falência, entregou de mãos beijadas a firma da família para Omar, um simples empregado, que trabalhou, prosperou e transformou tudo em um império. Ressentido, Estevão, então, jurou que recuperaria o patrimônio de seu pai.

Malandro que se deu bem  

 Lázaro Ramos
Foguinho ganhou tanto destaque quanto os personagens principais

Em uma trama paralela, Foguinho (Lázaro Ramos) era um tremendo vagabundo, mas com um coração de ouro, que acabou se envolvendo na trama principal. Considerado um desclassificado por toda a família, ninguém demonstrava o menor afeto por ele. Seu pai, Ramires (Ailton Graça) o obrigava a trabalhar como homem sanduíche, fazendo propaganda de sua loja, serviço que ele odiava. O jovem era apaixonado por Ellen (Taís Araújo), uma mulher ambiciosa e amoral, filha de Jair (Milton Gonçalves), mordomo de Omar. O objetivo de vida da moça era um só: enriquecer a qualquer custo. Por isso, apesar de já ter namorado Foguinho no passado, ela o desprezava e só queria saber de homens ricos e bem de vida. Quando a chance de ficar rico apareceu na frente de Foguinho, ele não pensou duas vezes. Afinal, ali estava a possibilidade de conquistar seu grande amor.

 Mariana Ximenes, Daniel Oliveira e Carolina Dieckmann
Bel, Duda e Leona viveram triângulo amoroso no final da trama

Desde que conheceu Duda (Daniel Oliveira), Bel (Mariana Ximenes) não conseguiu tirar o jovem da cabeça, mas continuou o noivado com Estevão (Henri Castelli), sem nem imaginar as intenções do noivo. E a situação dela ficou pior ainda por conta da inveja da prima Leona (Carolina Dieckmann).Completamente apaixonado e seduzido pela loura fatal, Estevão aceitava fazer tudo o que ela mandava.

Já Omar, muito doente, acabou morrendo vítima das armações de Leona. Depois de levar um tiro da sobrinha, o empresário ficou caído no armazém da Luxux, e a vilã, em parceria com Estevão, decidiu aproveitar-se da situação e incendiou o local. Jair (Milton Gonçalves) tentou salvar o patrão, mas também morreu. Com a 'passagem' de Omar, seu testamento foi aberto e, para surpresa de todos, metade da herança do milionário foi destinada à Bel, sua sobrinha, e a outra bolada ao desconhecido Daniel Miranda, pensando em beneficiar o jovem Duda, que havia se tornado seu melhor amigo.

Herdeiro de mentira

 Francisco Cuoco e Lázario Ramos
Foguinho ficou por engano com a herança de Omar
Daniel Miranda era o nome de Duda, mas também o de Foguinho (Lázaro Ramos) e, antes de morrer, Omar pediu a ele que entregasse uma carta em que o empresário dizia que toda a sua fortuna seria deixada para Duda e Bel, mas por uma desastrosa confusão, Foguinho acabou herdando o patrimônio de Omar. O malandro até ficou atormentado com a situação, mas manteve a mentira e se deixou seduzir pela vida luxuosa e sua rotina se transformou inteiramente. Todos que não davam a mínima para ele passaram a bajulá-lo. Até mesmo Ellen (Taís Araújo), seu grande amor, que dizia estar 'apaixonada'.

Troca de casais

 Daniel Oliveira e Carolina Dieckmann
Duda enganou Leona para proteger Bel

Além de ser amante de Estevão, Leona não se conformava com o amor de Duda por Bel e roubou o jovem da prima. Estevão ficou louco de ciúmes e de ódio, enquanto Bel não entendia por que a prima estava apaixonada por Duda, a quem sempre criticou. Para conquistar o amor do motoboy, Leona decidiu vestir-se e agir igual à prima e se transformou. Mas Duda não conseguiu levar o namoro adiante e rompeu com Leona. Ao descobrir que ela era amante de Estevão, no entanto, decidiu reatar a relação para proteger Bel. Esperta, Leona soube das intenções do rapaz.

Poderosa no pedaço 


 Lázaro Ramos e Taís Araújo
Ambiciosa, Ellen chantageou Foguinho

Ellen descobriu a carta de Omar, que provava que Foguinho não era seu herdeiro, e passou a chantageá-lo. Sem alternativas, o malandro começou a fazer tudo o que a amada mandava. Quem não gostou nada do poder de Ellen foi o casal Leona e Estevão. Diferentemente de Foguinho, a vilã era ambiciosa e representava um perigo. Para o azar dos amantes, a alpinista social ainda descobriu o caso dos dois e também passou a chantageá-los, tornando-se sócia no plano para dar um golpe em Bel. Só que Estevão era esperto, descobriu sobre a carta e fez questão de chantagear Ellen e Foguinho.

Descobrindo a verdade

Foguinho se sentia arrependido por enganar Bel e Duda, mas Ellen, Estevão e Leona não deixavam que ele contasse a verdade. Duda percebeu que Omar e Pereira eram a mesma pessoa e que a herança do milionário era para ele. Já Leona, perturbada, incendiou a Luxus, matando a si própria e Foguinho, que também estava na empresa. Mas o moço ressuscitou, se reconciliou com Ellen e os dois passaram a vender profiteroles na feira.

Final feliz

Mariana Ximenes
Bel finalmente se casou com seu grande amor

Livres de todas as 'cobras e lagartos que os cercavam', Bel e Duda terminaram juntos e em paz. A bela engravidou de gêmeos e, junto com o pequeno Daniel, formaram uma linda família.

Ficha técnica

Emissora: Rede Globo
Capítulos: 179
Exibição: 24 de abril a 17 de novembro de 2006
Horário: 19h
Autor: João Emanuel Carneiro

Curiosidades

Cobras e Lagartos foi a segunda novela de João Emanuel Carneiro,que mais tarde escrevia sucessos como Avenida Brasil e A Regra do Jogo. O autor já havia mostrado a que veio com a elogiada trama Da Cor do Pecado, protagonizada por Taís Araújo. Quem também estreou na telinha nessa trama foi Lázaro Ramos, que logo de cara foi bastante elogiado na Globo. 

Texto: Núcia Ferreira

Publicado na revista TV Brasil n/n 836 e 837
Vale a Pena Ler de Novo

Nenhum comentário:

Postar um comentário