domingo, 8 de maio de 2016

As Novelas De Mauro Mendonça

O ator abraçou a carreira artística e estreou na TV na década de 60

 Mauro Mendonça
Nascido em Ubá, interior de Minas Gerais, Mauro Mendonça decidiu seguir a carreira artística de uma hora para a outra. Ele havia completado o colegial e se matriculou na escola do Serviço Nacional de Teatro. "Eu já cantava em programas de rádio e de auditório. Estudava canto e gostava muito de imitar. Até no programa de Ary Barroso me apresentei. Mas o meu sonho era fazer cinema, por causa do neorrealismo italiano, do cinema francês do pós-Guerra e do cinema brasileiro" relembrou o ator, em entrevista.

A partir daí, a história de Mauro quase se confunde com a da TV. Seu primeiro trabalho em frente às câmeras foi um especial de Natal, ao lado de colegas como Cacilda Becker, Ziembinski e Walmor Chagas, na Record. "Cheguei para gravar, vi uma câmera e fiquei fascinado. Passei a fazer muito teleteatro, foram quase 20 anos", recordou-se Mauro.

Estreando em novelas  

Mauro Mendonça em Corações em Conflito

A primeira trama na qual atuou foi Corações em Conflito (1963), de Ivani Ribeiro, na TV Excelsior. Depois de passar pela Record e TV Tupi, começou a trabalhar na Globo, em 1973, participando do seriado Shazan, Xerife e Cia.
Mauro Mendonça em Carinhoso
Em seguida, interpretou o Vicente, da novela Carinhoso, de Lauro César Muniz. "Lá eu fiz uma participação. Ah, gostava muito do texto do Lauro César Muniz, que realmente era um escritor muito talentoso".
Mauro Mendonça e Susana Vieira em O Espigão
"Em O Espigão, tive oportunidade de cantar. Meu personagem, Donatello, era muito engraçado. Tinha uma relação com a personagem de Susana Vieira, que queria ir para a cama a toda hora. Donatello estava ficando cansado daquilo e, todas as vezes que ia para o quarto com a mulher, ele fazia:'Ohhhhh'. Eu passava na rua e diziam: 'me ensina a dar aquele dó de peito?. Tive sucesso pessoal nessa novela", conta, divertindo-se.

Mauro Mendonça em O Rebu como Álvaro Rezende
No ano seguinte, Mauro esteve em O Espigão, de Dias Gomes, e o Rebu (1974), de Bráulio Pedroso, quando viveu Álvaro Rezende. 


O galã da época

Mauro Mendonça em Estúpido Cupido
Pepita Rodriguez  e Mauro Mendonça na novela Espelho Mágico, 

Em Estúpido Cupido, Mauro Mendonça viveu um delegado e, na sequência, o Nelson Novaes, em Espelho Mágico (1977). "Achei a novela uma coisa muito interessante, principalmente, porque acho que fiquei com cara de gostoso (risos). Era casado com a Rosamaria Murtinho e na novela minha esposa era a Pepita Rodrigues, e a minha amante a Vera Fischer. Maravilha, né?", brincou o ator.

Ao lado de Sônia Braga, em Dancin Days, como Arthur
E a carreira continuava com uma série de papeis marcantes. 
Mauro Mendonça em Feijão Maravilha
Depois de viver Arthur em Dancin Days, ele interpretou o empresário artístico Mr. Ziegfeld, em Feijão Maravilha. "Eu falava com sotaque, porque o personagem era americano. Foi uma das primeiras novelas dirigidas por Paulo Ubiratan, e a proposta dele era: 'vamos brincar de fazer chanchada'. O elenco tinha muitos atores que haviam trabalhado na Atlântida como José Lewgoy, Mara Rúbia, Grande Otelo. E todos assumiram o compromisso de fazer chanchada na Globo".

De vigarista a fazendeiro

Lucélia Santos e Mauro Mendonça em Água Viva

Mauro Mendonça em Louco Amor no papel do Cônsul André Dumont
Nos anos 80 vieram mais sucessos, como o Ewaldo, de Água Viva, um vigarista que só fazia coisa errada. "Ele não chegava a ser vilão, porque seus golpes nunca davam certo", diz Mauro.
Marcos Paulo e Mauro Mendonça em Sinhá Moça
Mauro Mendonça em Mandala
Mauro Mendonça em Vida Nova
Depois vieram tramas como Louco Amor, 'Sinhá Moça, Mandala, Vida Nova...

Mauro Mendonça como Coronel Justino, na segunda versão de Cabocla
Em 2004, Mauro trabalhou no remake de Cabocla, quando interpretou o coronel Justino, um dos chefes políticos da fictícia região de Vila da Mata e rival do coronel Boanerges (Tony Ramos).

Mais remakes

Mauro Mendonça em A Favorita
Em 2008, o ator fez par romântico com Glória Menezes, em A Favorita.
Nathalia Dill e Mauro Mendonça em Paraiso
Logo depois, interpretou Antero, em Paraíso, onde fazia de tudo para que a filha Maria Rita (Nathalia Dill), a Santinha, não fosse parar no convento.
Mauro Mendonça em TiTiTi
E, 2010, participou do elenco da 2ª versão da novela Ti-Ti-Ti, como Giancarllos Villa. 

Em 2012, fez um velho fazendeiro de cacau, o coronel Manoel das Onças, no remake de Gabriela, escrito por Walcyr Carrasco, a partir da obra do celebrado Jorge Amado.

Trabalho no momento 

Mauro Mendonça em Eta Mundo Bom, o gerente do banco Inácio.!

E aos 85 anos, Mauro Mendonça nem pensa em parar de trabalhar. Atualmente ele está no elenco de Eta Mundo Bom!, como Inácio, o gerente do banco que Quinzinho (Ary Fontoura) e Cunegundes (Elizabeth Savalla) têm conta. E como a dupla está muito enrolada com os credores, Inácio sempre está presente nas hilárias reuniões na fazenda do casal, ajudando a arranjar uma solução para as dívidas crescentes.

Na telinha

1963 - Corações em Conflito
Rodolfo
1973 - Carinhoso
Vicente
1974 - O Rebu
Álvaro Rezende
1974 - O Espigão 
Donatello
1976 - Estupido Cupido
Dr. Ciqueira
1977 - Espelho Mágico
Nelson Novaes
1978 - Dancin'Days 
Arthur
1979 -  Feijão Maravilha
Mr. Ziegfeld
1980 - Água Viva
Evaldo
1983 - Louco Amor
 Cônsul André Dumont
1987 - Mandala
Adroaldo
1988 - Vida Nova
Coronel Antenor
2004 - Cabocla
Manuel Justino Caldas
2006 - Sinhá Moça
Dr Fontes
2008 - A Favorita
Gonçalo Fontini
2009 - Paraíso
Antero Godói2010 - Ti Ti Ti
Giancarllo Villa
2012 - Gabriela
Coronel Manoel das Onças
2016 - Eta Mundo Bom!
Inácio Xavier

Texto: Núcia Ferreira

Publicado na revista TV Brasil n/n 839
Trajetória
Fotos: Globo/Divulgação -virgulauol.com.br-noticias.terra.com.br
auroradecinema.wordpress.com-canalviva.globo.com -afavorita.blogs.sapo - www.folhadaregiao.com.br - memorialglobo.globo.com-ee.famosos.zip.net-oscolunaveis.blogspot.com-celebridades.uol.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário