quarta-feira, 26 de outubro de 2016

Léo Rosa

 Arte na veia
O ator Léo Rosa foi jogador de futebol e fez jornalismo, mas se apaixonou pelo teatro.

Léo Rosa


O teatro e a arte de atuar não eram a primeira opção profissional do gaúcho Léo Rosa, hoje com 32 anos. Ainda jovem, ele começou a cursar faculdade de jornalismo, em Porto Alegre"Eu fiz até o segundo período do curso. Depois precisei trancar por falta de grana. A partir dai, que justamente começa minha história com o teatro", relembra Léo. Após abandonar a universidade, o rapaz, então com 19 anos, embarcou para o Rio de Janeiro para fazer um teste para o cinema. Não foi aprovado, mas resolveu permanecer na Cidade Maravilhosa e começou a estudar teatro por lá. "Achei que no Rio tinha muitas possibilidades e que eu poderia me dar bem atuando. Fiquei um ano na companhia do Benvindo Siqueira, isso em 2003. No ano seguinte, comecei a fazer algumas peças como profissional. E não teve jeito, me apaixonei mesmo pelo ofício de ator e vi que era aquilo que queria para minha vida", afirma o moço.

Ex-futuro jogador


Se o jornalismo perdeu Léo para o teatro, o mesmo pode-se dizer dos gramados. Quando morava no sul, o jovem chegou a jogar nas categorias de base do time do Grêmio. "Meus pais são humildes, nunca tiveram muito contato com artes, por isso, não passavam isso pra mim. Até os 18 anos, eu jogava bola, e cheguei a pensar em seguir carreira. Mas a vida tomou outro rumo, como eu disse", relembrou. Mas foi nessa época que o 'bichinho do teatro'surgiu no coração do ator, ao observar um artista de rua que o encantou."Quando ia para o treino no Grêmio, vi um artista fazendo um número sensacional numa praça. Uma apresentação comum, em que ele carregava um saco e fingia ter um gato ali. Ele imitava o gato perfeitamente. Era a arte no sentido mais puro", conta.

Trajetória

2006 - Vidas Opostas

Maytê Piragibe e Léo Rosa

Como Miguel Campobello na novela Vidas Opostas

Miguel Campobello é um gênio da matemática,de família rica  que se apaixona por  Joana( Maytê Piragibe) de família pobre.


2007 - Amor e Intrigas

Como João Prado Guimarães na novela Amor e Intrigas
Introvertido, gosta de artes mas faz faculdade de Economia.Apaixona-se por Christina a namorada de seu melhor amigo, causando um grande conflito.

2009 - Promessas de Amor 


Como Nestor Camargo na novela Promessas de Amor

Ele é um playboy rico que sustenta  Armanda, uma ex-prostituta e a envolve em suas trapaças. 

2012 - Rei Davi



Como Absalão na novela Rei Davi
Filho do rei Davi , Absalão é meio-irmão de Amnon e sente ciúmes dele com o pai.Manda matá-lo depois que ele estupra a sua irmã Tamar. Foge de casa mas volta para usurpar o trono.

2012 - Balacobaco
Como Breno Pedrosa a novela Balacobaco
Interpreta um homossexual arrancando muitas risadas com seu personagem.


2016 - Escrava Mãe

Como Átila na novela Escrava Mãe 

Na pele do idealista professor e escritor, Átila é um jovem cheio de planos e ideologias, cuja causa é defender os direitos dos escravos.Muito amigo de Tomás, filho de um dos grandes líderes da cidade, o coronel Quintiliano.É apaixonado por Maria Isabel, e também amigo de Miguel,ajudando o namoro dele com a escrava Juliana, provocando a ira de Maria Isabel que é apaixonada por Miguel. 
Léo Rosa também é escritor e diretor


Publicado na revista TV Brasil n/n 864


Foto: Conta Mais-Ricardo Penna/Record/DivulgaçãoO Planeta-Leo-rosa;blogspot-rederecord.

Nenhum comentário:

Postar um comentário